Publicado por: Igor Santos | 24/05/2010

Cozinhando


Você mora só, o que pode significar que você tem pouco dinheiro para gastar em outras coisas.
Restaurantes, por exemplo.

Como assim ‘pode significar’?” Se é isso que você está pensando, este texto é para você.

Cozinhando a chaleira

Cozinhando a chaleira

Antes de começar, se certifique de que sua chaleira é grande o suficiente para tampar sua panela favorita. Como você mora só e muito provavelmente só cozinha para um, não creio que tenha calderões e panelas muito grandes, então qualquer chaleira decente serve.
Mas por favor, meça antes de incluir a comida.


Feitas as medições, eis a dica: sempre cozinhe usando uma chaleira cheia d’água como tampa.
Isso vai lhe garantir água muito quente (alcançando, ou quase o ponto de ebulição, mas sem as bolhas) para reabastecer alguma panela que está esvaziando (ou para jogar sobre pratos e talheres engordurados, facilitando a limpeza posteriormente) ao mesmo tempo em que você economiza gás e uma boca de fogão.

Utilizando essa técnica você não precisa se preocupar se colocou água suficiente para cozinhar seu arroz, pois se no meio do processo vir que vai faltar, é só derramar água já fervendo (ou quase), o que não vai interromper o processo nem levar mais tempo e gás para reaquecer.

(Eu até recomendo que você inicie com pouca água dentro da panela-base, pois ela começa a ferver mais rápido e o calor que vai subindo vai esquentando a chaleira ao mesmo tempo. Quando a panela estiver fervendo, adicione o arroz/macarrão/legumes/feijão/etc e mantenha a chaleira em cima, pois quando a água de baixo começar a faltar, a de cima vai estar pronta para uso.)

Se a chaleira estiver cheia, a água vai demorar a esfriar, talvez permanecendo quente suficiente para “desmanchar” o óleo dos pratos, talheres e panelas após o término da refeição.

Mas se você demora muito para comer e quiser garantir, pode servir seu prato assim que tudo ficar pronto, esvaziar as panelas e já despejar água semifervente nelas.
Outra dica: caso não vá lavar imediatamente, quando a gordura estiver quente e escorrendo bem, vira a panela de cabeça para baixo dentro da pia. Assim não se corre o risco do óleo esfriar novamente dentro do utensílio, tornando todo o seu trabalho até agora inútil.

Se você nunca fez isso, vai ficar impressionado com a facilidade em lavar as panelas depois sem toda aquela gordura, que só faz se pregar na bucha para ser transferida para os copos e mãos.

Mais uma dica para encerrar: lave a pia.

Pia suja, pratos sujos

Pia suja, pratos sujos

Eu geralmente o faço quando acabo de lavar a louça, mas se não for o seu caso, aproveite que você tem água fervente sobrando e jogue um pouco dentro da pia enquanto passa uma bucha com sabão.
Se você começar a lavar os pratos com a pia suja, o trabalho vai ser maior.

É a famosa “transferência horizontal de graxa”.

Anúncios

Responses

  1. Miniiino!! Adorei essa dica! Nunca tinha pensado em usar a quentura da panela de baixo pra esquentar a água da chaleira. Na verdade eu nem TENHO uma chaleira! Mas tô indo comprar uma agorinha… (Já até medi o tamanho da maioria das minhas panelas!

    • Gosto de leitora assim: engajada!
      Se ainda não tiver saído, outra dica: compre uma com cabo longo (nunca de metal!) para facilitar o manueio.

  2. Ler o blog reforça muito a minha vontade de juntar os trapos e cair fora da nem sempre agradável companhia familiar…

    Abraços misantrôpos

    Feliz dia do café!

  3. Cara, excelente essa dica de tampar panelas com a chaleira. Como nunca pensei nisso antes? A solução para acabar com meu tempo desperdiçado lavando coisas engorduradas estava mais perto do que imaginava…

  4. Muito bom mesmo. Diversão e utilidade. Só quero deixar minha pequena contribuição. Usar duas esponjas sempre: uma para o ataque frontal à gordura e sujeira em excesso SEM USAR DETERGENTE (meu deus! que porco!) tirando o grosso da sujeira de pratos, talheres e panelas e outra, num segundo momento, com detergente, para tirar a gordura, que é o que sobra depois do desbaste. Seu post iluminou as minhas pesquisas com louça, pois, depois que a esponja-agressive termina sua ação corajosa é só dar um banho escaldante com a água fervente da chaleira! Para mim, se fechou um ciclo de conhecimento hermenêutico que vou propagar por gerações. u.u

  5. Oi pode me ajudar tenho tentado um monte tirar as moscas da casa mas nao consigo tenho cozinha americana e elas vau direto para lé limpo tudo e elas chegam e parece que ta mais sujo ainda porfavor e obrigada

    • Danielle, acho que você precisa se empenhar mais na limpeza. Retire o lixo com frequência e lave o cesto pelo menos uma vez por dia. Lave todas as bancadas com água e sabão e enxugue em seguida.

  6. Não precisa por a mão em panela suja: usem escovinhas próprias para isso – tem em casas de 1,99 (agora é 2, 3 reais, claro!). E serve para tudo, pois o cabo é longo – dá para lavar pratos, copos, tapetes, janelas, tenis…


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: